Facebook

Antioxidantes: uma ajuda contra complicações cardíacas da diabete

  admin  

 (98)    (0)    0

  Nutrição

Estima-se que, em 2025, existam 300 milhões de diabéticos em todo o mundo. Sendo uma doença crónica tão comum e sendo as complicações cardíacas uma das responsáveis por mortes de indivíduos diabéticos. Um artigo da revista Current Cardiology em Reviews, publicado em 2008 alertava para o facto da diabetes mellitus ter muitas vezes a causa de mortalidade, em virtude de recorrentes enfartes do miocárdio . O stress oxidativo ( desequilíbrio entre a produção de radicais livres e as nossas defesas antioxidantes ) é o responsável por lesões nas células cardíacas que podem ser fatais. As nossas defesas antioxidantes incluem componentes endógenos que já fazem parte do nosso organismo e outros componentes que ingerimos pela alimentação como a Vitamina C ou Vitamina E

Hás uns atrás não era dada importância á defesa antioxidante no que toca a prevenção e tratamento de complicações cardíacas na diabetes, porque os estudos efectuados não possuíam um marcador adequado de stress oxidativo e não verificavam se a suplementação alterava ou não esse stress. Agora, na presença de um correcto marcador do stress que envolve as células cardíacas, foram dados novos passos no conhecimento dos antioxidantes. Um dos antixodiantes testado foi o resveratrol. O resveratrol é um polifenol conhecido por ser o maior responsável pelo efeito benéfico do vinho tinto a nível cardio-vascular. Além do vinho tinto, existe naturalmente em mais de setenta espécies vegetais, sendo exemplo as nozes e uvas. 

Nos animais diabéticos testados nesse estudo, foi dada a suplementação de resveratrol, o que aumentou as suas defesas antioxidantes e diminuiu a glicose sanguínea. 

 (98)    (0)    0

Seu comentário foi enviado com sucesso. Obrigado por comentário!
Deixe um comentário
Captcha
Comentários do Facebook